Música da Semana


Olá, como vão? Hoje eu trago pra vocês uma música que eu conheci hoje, mas já foi o suficiente para entrar como indicação da semana. A música é do Olly Murs - já comentado aqui no blog anteriormente -, e é do novo CD dele Right Place Right Time, que foi lançado no ano passado. A música do CD que eu escolhi foi Dear Darlin', cuja letra da música é para se emocionar (aqui) ainda mais quando lida vendo o clipe. Amei a voz do Olly nessa música, ouçam-na.




O que acharam? Quem curte o Olly aqui?

Games: Play with life!




Eu a-do-ro The Sims, e o seu lema é Play with life (brinque com a vida). Mas provavelmente mudará para Come to Life (venha para vida) !

A EA games tem lançado cada vez mais interessantes maneiras de jogar The Sims, como o The Sims Free Play ( para iOS e Android ) e o The Sims Medieval (que se trata de um The Sims com "missões" temáticas da época medieval).

E ontem foi lançado o primeiro trailer de The Sims 4, e o que mais me chamou a atenção foi como você pode caracterizar seu Sim tão facilmente! Você pode mudar cada detalhe físico do seu Sim. 
A maior novidade é que pela primeira vez, os seus Sims terão expressões e soluções à elas!
Outra coisa que mudou bastante e quem joga percebeu, foram as ferramentas de construção. Agora está muito mais fácil e simples de construir! Quem não gosta muito de construir as casas aposto que passará a gostar!

 Veja mais no vídeo!

Está em inglês, mas é só ativar as legendas!!

Eu estou ansiosíssima para o lançamento, mas infelizmente será apenas em 2014 :( 

Também tem o vídeo de gameplay oficial do jogo:



Achei lindo, e provavelmente comprarei pela Steam, que sempre tem inúmeros jogos com descontos!


Com amor, Fernanda
Espero que tenham gostado!

8 Tracks: ♡ me and you ♡

Olá, como vão? Hoje eu trago uma playlist do 8 tracks para vocês - estava com muitas saudades de recomendar um tracklist do 8 tracks pra vocês! A playlist tem como tema o amor, mas tem umas músicas não tão muito conhecidas pelas rádios famosas daqui do Brasil; o que, na minha opinião, só a torna ainda melhor! Uma boa pedida para aqueles que estão a procura de músicas novas e desconhecidas - eu adorava quando tocava alguma música que eu já conhecia hahaha
A playlist foi feita pela Bianca (@strawberrybia no twitter) e caso vocês gostem da playlist dela, eu diria para vocês contarem isso para ela no twitter pois é sempre legal saber que alguém gostou de seu trabalho - só uma sugestão, hein?
Sem mais delongas, curtam quase uma hora de músicas legais na playlist da Bia - p.s. Barbara Palvin na capa da track ♡

                                                 


O que acharam da track? Sigam-me lá também - estou com algumas ideias de tracks, então é capaz de eu

 publicar algumas tracks logo.

Parceria de Ariana Grande e Nathan Sykes


A cantora Ariana Grande lançou mais um novo clipe, dessa vez em parceria com o Nathan Sykes da banda The Wanted. A música, Almost Is Never Enough, está presente na trilha sonora do filme Os Instrumentos Mortais - Cidade dos Ossos, cuja estréia acontece amanhã (21) em muitas partes do Brasil e do mundo - caso não seja amanhã é bem provável que seja na sexta-feira dia 23.
O clipe mostra Ariana e Nathan no estúdio cantando, tocando piano e relaxando, os dois sendo muito fofos; além disso, mostra algumas cenas do filme centrando em Clary e Jace - já que esses são o principal casal do filme.
Adorei a voz dos dois juntos, e espero que com essa colaboração venham muitas outras!

"A Culpa é das Estrelas" de John Green

Nome: A Culpa é das Estrelas
Autor: John Green
Nº de Páginas: 288
Editora: Intrínseca


A culpa é das estrelas narra o romance de dois adolescentes que se conhecem (e se apaixonam) em um Grupo de Apoio para Crianças com Câncer: Hazel, uma jovem de dezesseis anos que sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões, e Augustus Waters, de dezessete, ex-jogador de basquete que perdeu a perna para o osteosarcoma. Como Hazel, Gus é inteligente, tem ótimo senso de humor e gosta de brincar com os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas.

A ambição voraz dos seres humanos nunca é saciada quando os sonhos são realizados, porque há sempre a sensação de que tudo poderia ter sido feito melhor e ser feito outra vez.
- Hazel Grace

Eu não ia ler A Culpa é das Estrelas, realmente não ia; eu não queria um livro que era 'modinha' e tinha medo da história não ser legal o suficiente, ou que a história seria apenas um grande clichê chato que todos se apaixonam por ser famoso, não pelo conteúdo. Eu não ia ler A Culpa é das Estrelas, e eu teria cometido um dos maiores erros na minha vida se tivesse mantido essa ideia na minha cabeça.

Me apaixonei do mesmo jeito que alguém cai no sono: gradativamente e de repente, de uma hora para  a outra.
- Hazel Grace

  O livro conta uma parte da história da vida de Hazel Grace Lancaster, uma garota de apenas 16 anos que está viva por causa de uma droga que detém a metátese em seus pulmões; a história é contada pela própria Hazel e narra a partir do dia em que conheceu Augustus Waters, um sobrevivente de osteosarcoma. A partir daí, nós vemos como ambos se apaixonaram um pelo outro e todos os problemas que tiveram durante suas relações. Ambos tem um ótimo senso de humor que te faz rir por mais triste que seja a situação - às vezes as piadas contém um leve toque de humor negro -, e são apaixonados por livros - o que deixa o livro com um toque meio poético.
  A Culpa é das Estrelas é um daqueles livros que você tem que ler até o final da sua vida, pois só assim você vai saber porque milhares de pessoas se emocionaram com ele, só assim você vai entender o porque de milhares de pessoas gostarem tanto das nuvenszinhas escrito "Okay?" "Okay" e só assim você vai poder dizer se o livro é mesmo bom ou não. 
      Hazel conta que sofria de uma quase depressão até encontrar Augustus. Antes do misterioso menino do sorriso cafajeste chega na sua vida, ela vivia lendo o mesmo livro várias e várias vezes e vendo reality shows de competição - seu favorito é America's Next Top Model.  E tinha poucos amigos, até porque passava a maior parte da vida em casa com seu carrinho de oxigênio chamado Felipe.
   A história tem um conteúdo bem frágil - por falar de câncer principalmente -, mas John Green consegue escrever sobre ele sem que você se desmorone nas primeiras frases, mas ele também acaba contando tudo o que é necessário para tornar a história 'real'. 
  Hazel e Augustus vivem uma história de amor adolescente diferente das outras, em uma montanha russa emocional que o leitor sente como se fosse ele que estivesse vivendo tudo aquilo e Hazel e Augustus 'falam' de um jeito que você se emociona a cada frase, a cada troca de palavras. Impossível não amar os dois juntos ou não querer um Augustus - ou uma Hazel - para você.
  É um livro que tem que estar na lista dos "lidos", vale super a pena; e a história vai te fazer chorar, mas mesmo assim você vai amar cada página do livro.

Meus pensamentos são estrelas que eu não consigo arrumar em constelações
- Augustus Waters

Adaptação:

 Os direitos do filme já foram comprados e ele será estrelado pela Shailene Woodley e pelo Ansel Elgort como Hazel e Augustus, respectivamente. Você também vai poder ver os dois juntos como Beatrice e Caleb Prior, respectivamente, na adaptação do livro Divergente. O Isaac será interpretado pelo Nat Wolff - que estará em Stuck in Love, seu próximo filme -; a famosa mãe da Hazel será vivida pela Laura Dern - de Jurassic Park. As escolhas dos principais já deram muito o que falar, o que vocês acharam da escolha quando ela foi liberada?

Você está tão ocupada sendo você mesma que não faz ideia de quão absolutamente sem igual você é
- Augustus Waters

Percy Jackson e o Mar de Monstros


 Olá! Como vão? Essa sexta feira lança o mais novo filme da franquia Percy Jackson, baseado na série de livros escrita pelo Rick Riordan. E para comemorar eu vim aqui para trazer minha resenha do filme! Sim, eu já pude ver o filme, porque acabei indo na pré estréia que rolou nos dias 9 e 10 desse mês. Vou fazer uma resenha sem spoliers e no final do post vou contar para vocês quais cenas do livro que contém no filme e quais cenas que ficaram faltando. Não se preocupem, eu falo quando começar os spoliers.

Nessa nova parte da história do herói, Percy Jackson, ele questiona se é tão maravilhoso assim, se ele é mesmo um herói ou se o fato dele ter conseguido salvar o Olimpo foi apenas sorte de principiante. Isso se deve porque há uma nova heroína no Acampamento Meio-Sangue, a Clarisse, filha do deus da guerra, Ares. 
Durante todo esse meio, a árvore que protege o Acampamento, a árvore de Thalia - toda a história é contada no começo do filme -, é envenenada pelo Luke e assim, alguém tem que ser mandado para salvar a árvore e a única coisa que pode salvá-la é o Velocino de Ouro que se localiza na ilha de Circe - mas conhecida pelos humanos como o Triângulo das Bermudas. Logo, Percy, Annabeth e Grover decidem ir atrás do Velocino para poderem salvar o Acampamento.
Percy também consegue um novo 'amigo' nesse filme, seu meio irmão Tyson, que não é um meio-sangue mas sim um ciclope! E durante o filme, Percy tem que aceitar o fato de ter um novo irmão que parece receber mais atenção do pai deles do que o Percy.
O filme é maravilhoso. Efeitos especiais incríveis, e amei a atuação de todos os atores e o jeito que os personagens parecem mais com os personagens do livro do que no primeiro filme. A história também melhorou comparada ao primeiro filme, mas ainda acho que há coisas que os fãs podem acabar se decepcionando pois ainda há algumas mudanças na história.
Filme para ver com a família, sozinho, com os amigos, com as amigas, para qualquer idade na minha opinião e vale muito a pena pelos efeitos especiais e pela direção, ainda vale a pena pela história e pela atuação dos atores. Apesar roteiro ter me deixado a desejar, eu recomendo tanto para os fãs da saga quando os que querem algo para ver.


O que há e o que não há no filme (contém spoliers)

Música da Semana


Olá, como estão? Hoje eu trago uma música que eu tenho estado viciada! Me indicaram ela - e a banda toda - para mim no Twitter e até agora estou colocando a música no replay. A música se chama We Come Running e é da banda Youngblood Hawke. Uma banda americana de estilo indie pop.
Outra coisa legal da música, é o clipe que se passa meio no mar e tem eles cantando e tocando debaixo d'água! Espero que vocês gostem.


A tristeza, um ciclo infinito



E quando me perguntam se estou bem
Digo: eu tô sim
Mesmo a cabeça cheia de pensamentos
E com o coração a dois
Mesmo com a inundação nos olhos
E a seca na garganta
Eu digo: eu tô bem sim
Independente do dia ou da noite

O vento sopra
Frio e cruel
Levando minhas lágrimas para fora do rosto
Que escorrem para longe de mim
Tentativa fracassada de libertar a dor
Pois assim que uma cai
Outra sente o que a anterior sentiu
E também cai

Parece um ciclo infinito e vicioso
A dor não se libera em nenhum ponto
Ela apenas vive adormecida, até ser acordada e liberada furiosamente
Causando assim uma enchente de emoções
Dia e noite se passam
E a dor não vai embora
não ha nada que eu possa fazer
Não consigo nem adormecê-la
Pois cada instante, cada segundo
É uma lembrança dolorosa
Que acaba com minhas forças
e me deixa sem fôlego

Entao não sofras por mim, amor
Eu já sofro o suficiente por nós dois
Viva sua vida, ache outra
Pois quem sabe assim eu consiga seguir em frente
E adormecer essa dor que vive no meu peito

"Cidade das Almas Perdidas" de Cassandra Clare

Nome: Cidade das Almas Perdidas
Autora: Cassandra Clare
Coleção: Os Instrumentos Mortal - Livro 5
Nº de Páginas: 434
Editora: Galera Record



Quando Jace e Clary voltam a se encontrar, Clary fica horrorizada ao descobrir que a magia do demônio Lilith ligou Jace ao perverso Sebastian, e que Jace tornou-se um servo do mal. A Clave decide destruir Sebastian, mas não há nenhuma maneira de matar um sem destruir o outro. Mas Clary e seus amigos irão tentar mesmo assim. Ela está disposta a fazer qualquer coisa para salvar Jace, mas ela pode ainda confiar nele? Ou ele está realmente perdido?

Cassandra Clare se supera em cada livro e isso fica claro no penúltimo livro da saga Os Instrumentos Mortais. Conforme você vai lendo a saga você sempre pensa que não pode ficar melhor ou mais irritante e Cassandra mostra que você está errado a cada livro novo que é lançado.
  Esse volume de Os Instrumentos Mortais gira em torno de uma pergunta: como pode salvar o Jace. Jace está ligado a Sebastian por meio de um feitiço parecido com o feitiço da ligação parabatai, mas bem mais poderoso - podendo ter até alguns efeitos colaterais. Se um é ferido, o outro também; ou seja, se um morre, o outro também morre.
  Com Jace 'ausente', todo o "grupo" de Clary faz o máximo para achar um jeito para separar a ligação de Sebastian e Jace. Porém a Clave também está de olho nos meninos e se eles acabarem achando Sebastian vão acabar matando o Jace.
  O livro tem muitas reviravoltas, que se é esperado em um livro da Cassandra Clare, e mais uma vez você não consegue largar o livro por um segundo! Os pontos de vistas mais frequentes no livro são os da Clary e os do Simon - Cassandra está dando cada vez mais atenção e participação para o Simon nos livros -, e só há um ponto de vista do Jace no livro inteiro que fica no Epílogo!
  Não há muito o que eu possa falar do livro sem dar muitos spoliers, porém podem esperar romance, viagens, muita ação e momentos de tirar o fôlego.

Under The Dome

Como vão? Hoje eu vim falar da última série que eu comecei nessas férias de Julho que se chama Under The Dome! A série é baseada no livro do autor Stephen King, que no Brasil e chama Sob a Redoma. A série é transmitida pela CBS - 2 Broke Girls e Blue Bloods.

Under The Dome é uma série de ficção que adapta a obra de Stephen King. Na história, uma cidade se vê de uma hora para outra cercada por um domo invisível, o qual mantém a comunidade separada do resto do mundo. A cidade se divide entre dois grupos, aquele que deseja manter a situação como ela está e aquele que busca uma forma de destruir o domo. Enquanto isso, eles precisam lidar com os conflitos que surgem entre eles e as questões básicas da sobrevivência.
  A série gira em torno de uma cidadezinha chamada Chester's Mill que fica fora de qualquer comunicação com o mundo exterior assim que uma redoma a cerca. Porém como era um dia comum como qualquer outro, há pessoas que moram na cidade fora dela quando a redoma  'cai' sobre a cidade e acabam do lado de fora, longe de suas famílias e amigos; e há aqueles que estavam apenas de passagem na cidade e acabam presos lá. Mas independente de quem você seja, você tem um segredo, e uma redoma cercando a todos faz com que os segredos mais obscuros sejam revelados.

Barbie, Big Jim, Angie e Julia
A série não é daquelas que tem um principal, mas se ele houvesse, seria o Barbie - é um apelido -, ou a Julia, pois ambos aparecem quase o tempo todo. Barbie - na verdade Dale Barbara -, veio na cidade atrás de um cara para cobrar o que ele tinha que pagar. Logo no começo da série vemos ele escondendo o corpo do tal cara e pouco depois ele se vê preso a essa cidade, com algumas pessoas se perguntando sobre o cara que ele acabou de enterrar. Já Julia é uma repórter de Chester's Mill que está atrás de respostas. Os dois logo viram amigos, apesar de tudo.
Além deles há muitos outros personagens importantes, cada um com um segredo mais assustador do que o outro. Em cada episódio as coisas mudam e todos se perguntar como vão sobreviver dentro da redoma enquanto as pessoas de fora ficam se perguntando como vão tirá-la de lá. Além de acontecerem alguns fatos bizarros entre as pessoas que vivem sob a redoma.
Ver a série online aqui.
Página no banco de séries aqui
Comprar o livro que originou a série na Saraiva aqui.
Recomendo muito a série que está em seu sexto episódio já, sendo que a mesma passa todas as segundas feiras nos Estados Unidos. A série já está com segunda temporada confirmada.
Algum de vocês assistem?

20 imagens aleatórias!

  Oi! Para fechar essa sexta feira eu vou fazer rapidinho o post 'Inspiração' daqui do blog! Como sempre são 20 fotos diferentes que eu achei no We Heart It! Espero que vocês gostem! E que o fim de semana venha para nós, hahaha.